Home Embaixador Embaixada Relações bilaterais China ABC Serviço Consular Contactos  
 
 
 
 
  Home > temas actuais
 
 
  China unifica esquemas de moradias públicas
 
  ( 2013/12/06 )
 
 
A China combinará dois programas de moradias subsidiadas, o de aluguel baixo e o de aluguel público, e os administrará conjuntamente como "moradias de aluguel público".

O Ministério de Habitação e do Desenvolvimento Urbano e Rural disse nesta sexta-feira que as autoridades de habitação devem fundir todos os projetos de aluguel baixo no esquema de moradias de aluguel público no próximo ano.

A construção das moradias de aluguel baixo que já foi iniciada pode continuar, mas as moradias devem ser incluídas no sistema de moradias de aluguel público uma vez que forem construídas.

As autoridades locais devem continuar impulsionando o mecanismo de fixação de preços para os aluguéis públicos. As concessões de aluguel ou subsídios devem estar de acordo com a capacidade de pagamento dos moradores, disse o ministério.

Devido ao crescimento dos preços de moradias, o governo chinês lançou programas de aluguel baixo e de aluguel público anos atrás para resolver os problemas das famílias de baixa renda nas cidades, reduzir as dificuldades dos novos empregados e melhorar a condição de vida dos trabalhadores migrantes. No entanto, ainda há uma lista de espera de cinco anos para alugar as moradias públicas.

O Ministério das Finanças do país disse em maio que tinha destinado 8 bilhões de yuans (US$ 1,3 bilhão) para apoiar o sistema de moradias de aluguel baixo e 58 bilhões de yuans para os projetos de aluguel público em 2013.

 
 


Suggest to a Friend
       Print
E-mail to us